Balneário Camboriú Foto Festival traz programação gratuita nesta semana

Evento oferece palestras, oficinas e exposições ao público. O festival começa nesta quinta-feira (18) e vai até o próximo domingo (21).

BC FOto Festival 2016De 18 a 21 de agosto, Balneário Camboriú se transformará no endereço oficial da fotografia em Santa Catarina. O Balneário Camboriú Foto Festival 2016 trará à cidade uma programação consistente e diversificada em tempos diferentes da fotografia, onde celulares tem câmeras cada vez melhores e “selfie” já pode ser encontrada no dicionário. A programação do festival atende a demanda artística por aperfeiçoamento técnico, intercâmbio e promoção do setor.

As atividades do festival são totalmente gratuitas e incluem palestras, oficinas e exposições no Teatro Municipal Bruno Nitz, na Galeria Municipal de Arte e nas dependências do SESC Balneário Camboriú, além de diversos outros espaços públicos a exemplo do Balneário Shopping, Atlântico Shopping, Praça da Cultura, Praça Almirante Tamandaré e Passeio San Miguel. Para participar das oficinas é necessário fazer inscrição antecipada pelo site do evento www.bcfotofestival.com.br. Para as palestras, basta ir até o Teatro Bruno Nitz, que tem lotação de 345 pessoas.

Além de gerar novos debates sobre a carreira mercadológica ou acadêmica, o evento vem estimulando e profissionalizando o fazer e pensar fotográfico. Neste ano, o festival terá palestras sobre foto documental e a produção de livros no Brasil, com Valdemir Cunha; Estúdio em 2 minutos, com Renato Rocha Miranda; Quem é Autor em Artes Visuais, por Marcelo Pretto; Fotografia como estratégia de encontro, por Alexandre Sequeira; Sombras Secas – Uma cidade interior, com Marcelo Greco, e o Fotojornalismo e sua temporalidade, por Alan Marques.

A programação conta também com oficinas com os seguintes temas: O Livro como Espaço Expositivo Autoral (Por Marcelo Greco); Altas luzes e densas sombras (Renato Rocha Miranda); Light Painting – Pintando com a Luz (Lilian Barbon); Fotografia Still (Leonel Tedesco); Apenas uma lata e um buraco de agulha (Lu Renata); Olhar Viajante (Valdemir Cunha); Elaboração de Projetos (Bia Mattar); Conservação Preventiva de Acervos Fotográficos (Lilian Martins); A fotografia como ferramenta de pesquisa, preservação e difusão do patrimônio cultural (Núcleo Catarinense de Fotografia) e KOMBInacomFOTO (Felipe Colvara).

Na Praça Almirante Tamandaré, um cubo gigante com 6m x 6m será uma das grandes estrelas do festival e irá expor fotos selecionadas pela Convocatória durante os 4 dias de evento. O Balneário Camboriú Foto Festival 2016 tem o patrocínio da Fundação Cultural de Balneário Camboriú através da Lei de Incentivo à Cultura.

Exposições

As 12 exposições do evento propõem uma espécie de arqueologia de diferentes leituras e perspectivas fotográficas, colocadas ao alcance do público. As mostras em exibição são assinadas pelos fotógrafos Fernanda Arruda (Mãe é Mãe – Adoção: Um ato de amor e cidadania); Valdemir Cunha (Água); Betinha Trevisan (Sobre Árvores Mortas e Árvores Secas); João Gabriel Monteiro e Vinicius de Oliveira, o Capitão (Orgia Ácida para Olhos Nus); Leonel Tedesco (Sal, Sol, lá onde camba o rio); Coletiva Floripa na Foto (Intervenção Urbana); Convocatória de Artistas (Meio Homem-Meio Terra- Conexões); Leonardo Henrique (Naruvotu – de Volta a Origem); Vanessa Alves (Sob a benção dos Maias); Rodolfo Guimarães (Infravermelho – Um tempo impossível); e Núcleo de Estudos Fotografia e Arte – Nefa (Intermitências).

Por Luciana Zonta
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s