Auditórios secundários oferecem experiências satisfatórias na CCXP 2015

Masterclasses, bastidores de produções nacionais, nostalgia, debates sobre representatividade de gênero e étnica.

A Comic Con Experience não fica restrita somente aos grandes estúdios e estrelas de Hollywood. Há Netflix, Fox, Sony, Warner, é claro. Na edição de 2015, astros como Adam Sandler, Terry Crews, Krysten Ritter, Evangeline Lilly, John Rhys-Davies e David Tennant marcaram a feira, mas não foi apenas o Auditório Cinemark que trouxe atrações interessantes.

O Auditório Ultra e o Auditório Prime foram responsáveis por atrações menos aguardadas, porém tão instigantes quanto as da sala principal ou até mais. De certa forma, dá até pra arriscar a dizer que as conversas mais produtivas e os momentos mais nerds ocorreram nesses dois auditórias alternativos.

No primeiro dia de feira (3), o Auditório Ultra celebrou os 75 anos de Flash e Lanterna Verde, trouxe o eterno Power Ranger vermelho Steve Cardenas e também contou com duas masterclasses com o quadrinista Scott McCloud e o roteirista Mark Waid (O Reino do Amanhã, Demolidor, Flash).

Enquanto isso, o Auditório Prime, que tem um espaço reduzido em relação aos outros dois palcos, contou com painéis menos badalados, mas que passavam longe de desinteressar o espectador. Na quinta-feira, a cineasta e ex-VJ da MTV Marina Person contou sobre a experiência do seu primeiro filme ficcional, Califórnia, os youtubers Marcos e Matheus Castro lançaram o jogo A Lenda do Herói, entre outros.

Duas experiências foram as mais bacanas deste dia. Pedro Morelli apresentou os bastidores de como foi criar Zoom, filme de sua autoria que mistura live-action com animação. O longa, que deve estrear no Brasil em 2016, é estrelado por Mariana Ximenes, Gael Garcia Bernal e Alison Pill. Ele contou como foi o processo da transformação do carne e osso para os traços animados. Segundo Morelli, foi realizada a animação por cima dos takes filmados, mas que dá um quê a mais de realismo do que outros exemplos semelhantes, como Waking Life. Todas as cenas foram devidamente filmadas, em estúdio, e depois outros elementos eram adicionados digitalmente através da animação.

A segunda experiência foi o debate sobre a representação de gênero dentro da cultura pop, desde os esteriótipos, a forma como o tema é usado e conduzido neste universo. O bate-papo foi realizado por Ana Luiza Koehler, Luis Carlos Oliveira Souza, Cecihoney e Jarid Arraes.

No dia seguinte (4), houve também outra discussão revelante e semelhante no Auditório Prime. Bruno Trindade, Ana Cardoso, Ricardo Tokutomo e Jarid Arraes conversaram sobre o modo como ocorre a representação étnica na cultura pop, o que abrangeu tópicos como esteriótipos, como a inclusão de minorias acontece no universo do entretenimento e os pontos positivos disso, e isso reflete nos jovens de hoje.

No Auditório Ultra, houve uma necessária celebração dos 80 anos de Maurício de Souza, o criador da Turma da Mônica. Ele já havia sido um dos grandes homenageados na edição de 2014 e retornou à feira.

Também no mesmo auditório rolou o encontro entre Timothy Zahn (Universo Estendido de Star Wars) e Chris Taylor (Como Star Wars Conquistou o Universo), que encheram a sala para falar sobre o brilhantismo que nem todos enxergam na obra de George Lucas, apontando as referências políticas e sociais da franquia. Em seguida, pouca gente saiu lá de dentro para poder conferir o primeiro episódio da nova série animada Cavaleiros do Zodíaco: Soul of Gold, com dublagem em português (brasileira) em primeira mão. O painel, da TOEI Animation, contou com a presença do produtor Satoshi Teramoto, que conversou com os fãs (dentro do possível, devido ao idioma).

Para saber mais sobre as experiências gerais na CCXP, confira nossas impressões aqui.

— Foram concedidas ao Previamente credenciais para os dois primeiros dias de feira (quinta e sexta-feira). Portanto, não houve no texto nenhuma referência sobre os demais dias de evento.

Por Rodrigo Ramos
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s