DC na TV: O que esperar das novas temporadas de Gotham, Arrow e Flash

Sucessos de audiência, as séries estão prestes a estrear diante de uma alta dose de expectativa

A DC Comics conseguiu estabelecer seu universo de forma convincente na TV, fazendo até mesmo a rival Marvel abrir os olhos para esse público. Com três pilares principais de apostas altas, Arrow, Gotham e Flash representam tudo que se poderia esperar atualmente de séries de heróis da produtora na TV (muito embora existam outras). Com as novas temporadas perto de seus lançamentos, vamos analisar as últimas impressões e as apostas futuras para as tramas.

Gotham

Temporada passada: A primeira temporada de Gotham estabeleceu um novo conceito de narrativa, uma vez que apresentou uma série policial desenvolvida em um universo de heróis e vilões. A ideia era boa. O contexto já consagrado, os personagens tinham seu público e seus fãs… Receita para o sucesso? Teoricamente sim, na prática nem tanto. Os casos da semana quebram o clima da trama, enquanto os grandes vilões do mundo Batman muitas vezes são deixados de lado e o risco de criar uma versão alternativa de suas origens não se paga em momento algum. No final das contas, o que compensa todas as falhas da primeira temporada são os únicos vilões realmente trabalhados ao longo dela, Charada e Pinguim, que com atuações mais do que convincentes foram peças chaves para uma temporada regular de uma série que tinha tanto para oferecer.

O que esperar: O palpite lógico se comprovou com os teasers disponibilizados nas últimas semanas, e a segunda temporada de Gotham deve apostar tudo nos vilões consagrados da cidade que dá nome à série. Para qualquer fã, essa seria a melhor e talvez única opção para salvar a história. A dúvida que resta é sobre como será estabelecido o caos e a existência de diversos vilões em um meio onde o Batman ainda não existe. É de se esperar uma nova versão de Jim Gordon, como maiores habilidades para confrontar as ameaças, ou talvez, o que seria até mais interessante, um conflito entre os vilões dando o ritmo da nova temporada. Munição para salvar a série tem de sobra. Ficamos no aguardo do tiro certo.

Gotham (Fox)
Gotham (Fox)

Arrow

Temporada passada: A sombra de uma segunda temporada espetacular cobriu a última de uma forma que a mesma não apresentou tudo que poderia. As crises de identidade do arqueiro somadas ao clima de novela que existia por conta das relações entre os personagens secundários em alguns momentos dava sono e nem mesmo o grande vilão Ra’s Al Ghul demonstrou grande impacto na trama. O ponto mais positivo da temporada sem dúvida foi a participação de personagens como Flash e Katana, que ampliavam por si só toda a diversão de acompanhar o caminho de Oliver Queen contra a Liga dos Assassinos. A temporada não passou nem perto de ser ruim, mas ficou muito longe do brilhantismo da segunda.

O que esperar: Renovação. Esta é a palavra que define o que se pode esperar da próxima temporada de Arrow. Após ter abandonado o arco no fim da terceira temporada para viver uma vida normal ao lado de Felicity, Oliver será convocado após a aparição de uma nova ameaça. Ponto para os roteiristas. Depois de três sagas intensas com um declínio perceptível na última, nada se encaixaria tão bem quanto a cartada do retorno triunfal do herói aposentado – algo que a DC também vai explorar nos cinemas, com um Batman saído da aposentadoria em Batman vs Superman: A Origem da Justiça. Novos uniformes, vilões promissores como Anarquia e Damien Dhark, muita ação e clima tenso como antigamente, é o que a nova temporada de Arrow promete, e possivelmente cumprirá.

Arrow (The CW)
Arrow (The CW)

Flash

Temporada passada: Diferentemente de Gotham, a série de Barry Allen chegou em alto nível, desenvolvendo o personagem e o ambiente não tão popular para o público que desconhece os quadrinhos. A interação entre o herói e os demais personagens da trama, inclusive com o vilão Dr. Wells (Flash Reverso), é excelente. Cisco é um alívio cômico de primeira e todos, com a exceção de Iris, que por vezes atrapalha a trama, se encaixam perfeitamente no que a história propõe. O conceito de caso da semana pode desagradar muitos, principalmente em momentos da trama em que fatos importantes estão para acontecer, mas nesse caso é aturável, já que a balança tende para o lado positivo. Os efeitos são legais, não incríveis, mas demonstram que uma série dessa temática tem sim condições de se estabelecer sem pecar pelo baixo orçamento. Flash sem dúvidas entrou na TV com o pé direito.

O que esperar: O ponto máximo da primeira temporada de Flash foi sem dúvidas a ousada apresentação do multiverso na TV, concepção tão interessante quanto complexa para se apresentar em uma série. Graças a isso teremos uma segunda Terra na nova temporada, o que significa novos vilões, novos heróis (inclusive outro Flash) e claro, uma nova e imprevisível trama. A tendência é que o roteiro mergulhe de vez no mar de possibilidades que foi aberto, algo que pode surpreender o espectador mais e mais a cada episódio. Diante desses elementos, o que esperar da próxima temporada? Absolutamente tudo.

Flash (The CW)
Flash (The CW)

Nos EUA, Gotham é exibida pela FOX, enquanto Flash e Arrow são do canal The CW. Gotham estreia nos EUA nesta segunda-feira (21), enquanto no Brasil chega uma semana depois, na próxima segunda-feira (28), na Warner Channel. Flash estreia lá fora no dia 6 de outubro e Arrow chega um dia depois, no dia 7. Por aqui, a Warner Channel transmite ambas, porém não há uma data para o debute de suas novas temporadas.

Por Matheus Tillmann
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s