Que Horas Ela Volta? é o filme nacional escolhido para concorrer ao Oscar 2016

O Brasil não é indicado na categoria de melhor filme estrangeiro na premiação desde 1999

Foi divulgado na manhã desta quinta-feira (10), pelo Ministério da Cultura, que o longa-metragem Que Horas Ela Volta?, de Anna Muylaert (O Ano Em Que Meus Pais Saíram de Casa), será o filme que representará o Brasil na disputa por uma vaga entre os cinco finalistas na categoria de Melhor Filme em Língua Estrangeira no Oscar 2016.

Estrelado por Regina Casé (Eu, Tu, Eles), a película vem ganhando o público e crítica no Brasil e no mundo. A produção foi vencedora do Prêmio Especial do Júri na categoria Atuação, que foi dado às protagonistas Casé e Camila Márdila, no Festival de Sundance; conquistou o prêmio de Melhor Filme da Mostra Panorama, no prestigiado Festival de Berlim; além de ter sido laureado com o prêmio da Confederação Internacional dos Cinemas de Arte e Experimentais – CICAE. No site Rotten Tomatoes, que compila diversas críticas de veículos e críticos prestigiados, o filme está em 96% de aprovação.

Ao todo, oito filmes foram inscritos para abocanhar essa vaga. A Comissão Especial de Seleção do Ministério da Cultura foi responsável pela escolha. O grupo é composto pelo cineastra Daniel Ribeiro; pelo assessor internacional da ANCINE, Eduardo Valente; pelo ministro do departamento cultural do Ministério das Relações Exteriores, George Torquato Firmeza; pelo diretor de arte Marcos Flaksman; pelo secretário do Audiovisual do Ministério da Cultura, Pola Ribeiro; pelo jornalista Rodrigo Fonseca; e pela presidente do Sindicato Interestadual da Indústria do Audiovisual, Silvia Rabello.

No ano passado, o longa-metragem brasileiro escolhido para disputar uma vaga no Oscar foi Hoje Eu Quero Voltar Sozinho, de Daniel Ribeiro. Porém, a produção ficou de fora do corte final. O Brasil não disputa a categoria de Melhor Filme Estrangeiro desde 1999, quando Central do Brasil, de Walter Salles, foi indicado também ao prêmio de Melhor Atriz, quando Fernanda Montenegro perdeu a disputa para Gwyneth Paltrow, por Shakespeare Apaixonado. Na categoria de língua estrangeira, o nacional perdeu para o italiano A Vida é Bela.

Por Rodrigo Ramos
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s